sexta-feira, 29 de junho de 2012

Arquidiocese de Maceió: Área Noroeste se reuniu para avaliar as atividades da catequese


A Área Noroeste da capital alagoana se reuniu na cidade de Campestre (AL) na última segunda, 25, para avaliar as atividades da catequese e realizar ações em conjunto. As Paróquias das cidades alagoanas de Jacuípe, Novo Lino, Colônia Leopoldina e Flexeiras estiveram presentes com seus respectivos sacerdotes e catequistas na referida reunião.

“O motivo deste encontro é vermos como tudo está acontecendo em relação à catequese, analisando assim o esqueleto da situação, para pensarmos novidades para a área”, explicou no início Pe. Gilmar Custódio, coordenador da Área.

Através do método ver-julgar-agir, a reunião teve seu prosseguimento com as seguintes realidades:

Paróquia de São Benedito - Flexeiras (AL)
Os catequistas vem desempenhando um bom trabalho, possuindo formação quinzenal com as irmãs da congregação de Santa Maria de Namue, residentes na localidade. Em alguns meses, há encontros formativos durante um dia inteiro, geralmente nos finais de semana. São cerca de vinte e cinco catequistas. Dentre as dificuldades elencadas, há a pequena quantidade de catequizandos e o grande desafio da missionariedade nas áreas rurais.

Paróquia de N. Sra. do Carmo – Colônia Leopoldina (AL)
Há formação e planejamento com as irmãs da congregação das Filhas do Sagrado Coração de Jesus, residentes na localidade, além de quinzenalmente os catequistas estudam o Catecismo da Igreja Católica com o Diácono Rodrigo Rios. Possuem boa variedade de material, inclusive a paróquia dispõe mensalmente de ajuda financeira para as necessidades deste serviço. São três turmas de primeira comunhão, uma de pré-comunhão eucarística, uma de perseverança e uma turma de crisma, todas sob a responsabilidade de quinze catequistas. Há grande demanda de catequizandos, e como dificuldade a questão da quantidade de catequistas para a realidade. Como fator positivo está a reunião bi-mensal com os pais. É a única Paróquia da Área que envia catequistas para a formação da Escola Bíblico-teológica de Catequese da Arquidiocese.

Paróquia de São José – Novo Lino (AL)
São seis catequistas com três turmas de primeira comunhão, no total de cem catequizandos. Ainda não foi formada um turma de crisma. Como fator positivo está a participação das crianças nas Adorações ao SS. Sacramento às quintas-feiras. Dentre as dificuldades apresentadas, há a falta de incentivo familiar, pequeno número de catequistas e dificuldades com a formação para os mesmos. Quanto ao material utilizado, Pe. Gilmar preparou uma apostila como subsídio.

Paróquia de São Caetano de Thiene – Jacuípe (AL)
São oito catequistas com atuação inclusive na zona rural, com cerca de oitenta crianças além dos jovens e adultos das duas turmas de crisma. Possuem como forma de engajamento e atividades um Grupo de Teatro, Gincanas Bíblicas, Coral, Missa com as Crianças e Encontros de Oração nas casas. Dentre as dificuldades apresentadas, está o pequeno número de catequistas e a falta de formação para os mesmos, como também de material. Na cidade de Campestre (AL), são seis catequistas com cerca de 60 crianças além das duas turmas de Crisma. Como dificuldades apresentadas estão as reuniões com os pais, falta de formação e assistência na zona rural. Positivamente, há a participação de pais nas missas a partir do incentivo dos filhos.

Propostas para a Área

Reunir periodicamente os Coordenadores paroquiais da Catequese e realizar a eleição de um Articulador para a Área. A primeira reunião acontecerá no dia 22 de junho na cidade de Flexeiras.
Implantar a Infância, Adolescência e Juventude Missionária como formas de engajamento para os catequizandos.
Realizar formação em conjunto para toda a Área.
Adquirir novos materiais.
Incentivar e articular melhor as reuniões com os pais e padrinhos.

Fonte: Portal Arquidiocese de Maceió

Nenhum comentário:

Postar um comentário

CADASTRE AQUI SEU EMAIL E RECEBA NOSSAS NOVIDADES